Aécio defende que votação sobre Delcídio no Senado ocorra ainda hoje

0

aecio nevesO presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, defendeu que a decisão pela manutenção ou não da prisão do senador Delcídio Amaral (PT-MS) seja tomada ainda nesta quarta-feira, 25, em razão das graves acusações. Segundo ele, é difícil o Senado votar contra a decisão do Supremo Tribunal Federal que, por unanimidade, autorizou a prisão do senador Delcídio.

“Em reunião com o presidente do Senado, acompanhado de outros líderes partidários, sugeri que a manifestação do Senado ocorra logo após o recebimento dos autos, que deve estar ocorrendo agora nas próximas horas”, disse.

A Constituição Federal determina que o Supremo Tribunal Federal (STF) comunique o Senado em 24 horas, mas não dá um prazo para que a Casa avalie a decisão. Mais cedo, Renan Calheiros afirmou que a Casa se reuniria em um “prazo razoável”, sem determinar qual seria esse prazo.

Para Aécio Neves, postergar a votação sobre a prisão “transfere uma questão extremamente grave, que circunda um senador da República, para todo Senado Federal”. O presidente do PSDB defendeu ainda que a votação seja aberta.

Questionado sobre qual seria seu posicionamento, o senador tucano afirmou que, com base apenas nos fragmentos aos quais já teve acesso, deve acompanhar a decisão do STF. “Posso antecipar que, para nós do PSDB, o caminho natural é obviamente acompanhar a decisão do Supremo Tribunal Federal que já teve a oportunidade de analisar matéria”.

Para Aécio, tudo relacionado a Lava Jato está “umbilicalmente ligado ao Planalto”. “Não se montaria um esquema desse vigor se não houvesse beneplácito do governo, porque ele foi, em última instância, o grande beneficiário desse esquema”, afirmou.

Fonte: Estadao Conteudo

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

AN