Águas Lindas] Mesmo em crise, estado e município se unem e entregam 47 novas viaturas para servir a população

0

Há muito se discute o papel dos municípios no combate à violência, mas a cada ano, torna-se mais difícil alcançar o grau de excelência clamado pelos cidadãos. Vários fatores contribuem para que esta tarefa seja plenamente concluída. A mais evidente é a concentração da maioria dos tributos arrecadados nas mãos do governo federal. Com isso, pouco chega aos estados e quase nada aos municípios.

Prefeito Hildo do Candango dá boas vidas ao novo comandante da PM de Águas Lindas, capitão Ricardo Neves e desejou ao major Saint Just sucesso no novo desafio em Santo Antônio do Descoberto
Prefeito Hildo do Candango dá boas vidas ao novo comandante da PM de Águas Lindas, capitão Ricardo Neves e desejou ao major Saint Just sucesso no novo desafio em Santo Antônio do Descoberto

Tanto governadores e prefeitos se desdobram na busca de soluções priorizando em seus programas de governo, a segurança e o combate às drogas.

Em novembro passado, o Secretário de Segurança Pública de Goiás, Joaquim Mesquita colocou o dedo nessa ferida quando participou do debate promovido pela Fundação João Mangabeira, sobre o esforço conjunto de estados e municípios para baixar os índices de violência em Goiás. Quando perguntado sobre os entraves na segurança, ele disse convicto: “Financiamento”. Mesquita enfatizou que “dados da Secretaria do Tesouro Nacional apontam que os Estados gastam mais de R$ 43 bilhões [com segurança], já a União e os municípios gastam muito pouco, então esse é um dos principais problemas que devem ser resolvidos que é o do financiamento da segurança pública, já que diferente da Educação e Saúde onde os três entes federativos investem recursos substanciais entre R$ 70 e 80 bilhões, na segurança pública apenas os Estados”.

Em Águas Lindas, o prefeito Hildo do Candango não economizou energia para melhorar a segurança no município, batendo de porta em porta do governo de Goiás, reivindicando ampliar o efetivo da Polícia Civil e militar. Este esforço tem sido correspondido como novas delegacias, viaturas e instalações. O resultado foi a queda nos índices de violência. “Estamos longe do ideal, mas avançamos muito. Agora, por exemplo, vamos entregar nesta quinta-feira (3/12), 47 novas viaturas para a Delegacia Regional de Polícia Civil. Acredito que, aos poucos, a população está percebendo o quanto nossa cidade melhorou, não só aspecto seguranças, mas em educação, saúde, qualidade de vida conquistas sociais”, comemora o prefeito.

TROCA DE COMANDO NA PM – Na despedida do Major Saint Just que comandava a 35ª CIPM de Águas Lindas – ele foi transferido para Santo Antônio do Descoberto –, Hildo deu as boas vindas ao novo comandante, capitão Ricardo Neves e elogiou o trabalho da corporação que, “mesmo diante de tantas dificuldades e efetivo reduzido, tem desempenhado um bom trabalho”.

O capitão Ricardo atua no município há oitos anos e coleciona uma elogiosa folha de serviços prestados à comunidade. “Nós temos muito agradecer a cada componente da PM e neste momento quero desejar ao Major Saint Just sucesso nesta nova fase de sua vida. O município de Santo Antônio do Descoberto está recebendo um homem valoroso e comprometido em fazer a segurança de forma humanizada. Vá com Deus e não se esqueça dos amigos aqui de Águas Lindas”, disse o prefeito.

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

AN