Gilmar Mendes descarta novas eleições

0

gilmar mendesPróximo presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o ministro Gilmar Mendes não vê viabilidade para novas eleições gerais em outubro deste ano nem em 2017: “Se essa ideia for adiante, certamente vai suscitar questionamentos. Para que ocorra, seria necessário alterar a Constituição. E ainda que se consiga, a questão prática é complicadíssima. Realizar eleições requer um gigantesco trabalho e planejamento”, disse.

247 – Próximo presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o ministro Gilmar Mendes não vê viabilidade para novas eleições gerais em outubro deste ano nem em 2017.

“Se essa ideia for adiante, certamente vai suscitar questionamentos. Para que ocorra, seria necessário alterar a Constituição. E ainda que se consiga, a questão prática é complicadíssima. Realizar eleições requer um gigantesco trabalho e planejamento”, disse Mendes.

Na semana passada, um grupo de senadores apresentou uma PEC para colocar o tema na pauta do Congresso. A proposta é defendida por alguns aliados da presidente Dilma Rousseff.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

AN