Especula-se que Diego Sorgatto pode ser candidato único do PSB no Entorno de Brasília

0
Deputado estadual Diego Sorgatto: confiança dos cidadãos conquistada com trabalho, respeito ao contribuinte e humildade
Deputado estadual Diego Sorgatto: confiança dos cidadãos conquistada com trabalho, respeito ao contribuinte e humildade

Por Wilson Silvestre – Lideranças do PSB na Região Metropolitana de Brasília (Rembra), discretamente, discutem a tese que é melhor assegurar vaga de deputado estadual com a reeleição de Diego Sorgatto do que ter vários pré-candidatos e nenhum ser eleito. Avaliam que se o PSB tiver vários pré-candidatos a deputado estadual, dificilmente o partido elege um. Os votos seriam pulverizados e não alcançaria o coeficiente eleitoral, por isso a aposta concreta é em Diego como candidato único do partido no Entorno.

A ideia teria chegado aos ouvidos da presidente do PSB em Goiás, senadora Lúcia Vânia no entanto, até agora ela não manifestou-se publicamente sobre o assunto. “Creio que a senadora está focada, neste momento, no seu futuro na base do governador Marconi Perillo. Mas, a ideia é tentadora. O problema é administrar a vaidade de gente que acredita ter potencial para ser eleito”, confidenciou uma fonte com alta patente no PSB.

Paralelamente, o deputado tem redobrado seu trabalho parlamentar e dado maior assistência às suas bases. Uma de suas estratégias foi ampliar o leque de apoios saindo da esfera de Luziânia. Diego percebeu que o prefeito Cristóvão Tormin (PSD) não vai dar trégua ao seu projeto de reeleição. Tenta por todos os meios desconstruir sua liderança na principal base que o elegeu. No Jardim Ingá, maior bairro de Luziânia, Diego teve lideranças cooptadas pelo prefeito.

Para assegurar a reeleição e fazer contraponto a estas investidas, Diego intensifica conversas em cidade próximas, contatando ex-vereadores e atuais; lideranças de bairros e clubes de serviços. Além disso, conta com parcerias com os prefeitos de Novo Gama, Sônia Chaves (PSDB) e com o de Cristalina, Daniel do Sindicato (PSB). Embora em Cristalina o vice-prefeito, Luiz Henrique (PDT) também pode ser candidato a deputado estadual, Diego acredita que terá uma boa votação por conta dos investimentos da família no município, onde gera empregos e renda.

LEIS IMPORTANTES – Diego é tido como um jovem promissor na política e uma liderança identificada com a população do Entorno. Sua experiência como deputado de primeiro mandato surpreendeu até mesmo a mídia que o via como “mais um jovem bem nascido a se aventurar na política”. Discretamente, o jovem deputado desmontou esta tese calando os críticos com muito trabalho nos bastidores na garimpagem de recursos para Luziânia e região. Quase todos os recursos voltados para as camadas mais vulneráveis da população. “Optei em meu mandato apresentar projetos de lei relevantes à sociedade e não em quantidade. Acredito que tenho um saldo positivo junto aos meus eleitores e aos cidadãos de um modo geral. Não utilizei meu cargo de deputado para interesses pessoais, mas para as pessoas, principalmente os mais carentes”, diz.

Diego menciona com orgulho, o projeto de lei aprovado e sob apreciação do governador Marconi Perillo proibindo radares ocultos nas rodovias sob responsabilidade do estado de Goiás. Este projeto está tendo uma grande repercussão positiva junto à sociedade e a mídia. “Outro projeto que acredito ser de grande relevância à sociedade devido a crescente violência no país, é a proibição, fabricação, venda, comercialização e a distribuição, a qualquer título de armas de brinquedo”.

Na mesma linha de projetos com alcance de massa, é a inclusão obrigatória de quilometragem rodada pelo veículo no Certificado de Registro e Licenciamento Anual (Crlv), no Certificado de Registro de Veículos (CRV) emitidos Pelo Detran de Goiás. “Só posso agradecer a Deus por mais essas bênçãos, a nossa equipe, ao apoio dos nossos colegas parlamentares e sobretudo a confiança do povo goiano, e em especial a população dos municípios que representamos no parlamento goiano”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

AN